A+ | A- | Imprimir | Ouça a MSG | Ant | Post

Ouve com serenidade sempre que a tal sejas convocado.
Permite que o outro conclua o pensamento, não antecipando conclusões, certamente incorretas.
Nem todos sabem expressar-se com rapidez e clareza.
Escuta, portanto, com boa disposição, relevando as colocações e palavras indevidas, assim, buscando entender o que ele te deseja expor.
Se te acusa, procura a raiz do mal e extirpa-a.
O diálogo deve sempre transcorrer sem azedume, deixando saldo positivo.
Se te esclarece ou ensina, absorve a lição.
Se acusa alguém, diminui a intensidade da objurgatória com expressões de conforto ao ofendido.


Por: Joanna de Ângelis, Médium: Divaldo Pereira Franco


Leia Também:

Convite à Reflexão: por Joanna de Ângelis
Deus Sempre: por Joanna de Ângelis
Filho Deficiente: por Joanna de Ângelis
Oportunidade e Dezaso: por Joanna de Ângelis
Vigilância: por Joanna de Ângelis

Avalie Esssa MSG

4 Voto(s) 0 Voto(s)

Comentários