Um Tesouro à Disposição

    Escreveu a amiga de Campina Grande (PB), professora Denise Lino, uma notável apreciação sobre a produção mediúnica do Espírito Emmanuel pela mediunidade de Chico Xavier, especialmente aquelas de estudo e análise dos textos dos Evangelhos, que ela intitulou Tesouro em Português. A matéria foi publicada no jornal Tribuna do Espiritismo, edição de junho/16, e também está disponível virtualmente no site do jornal:
    www.tribunadoespiritismo.org

    Particularmente fiquei empolgado com a apreciação e destaquei alguns trechos ao leitor, indicando para que no início do próximo busque o texto integral no site referido, acessando o jornal Tribuna do Espiritismo, disponível no citado portal.

    Escreveu ela:
    “(...) Além de coordenador espiritual da tarefa mediúnica de Chico, Emmanuel é autor de dezenas de livros. Nessa condição, deixou-nos uma obra de rara beleza cujo cerne é a exegese de o Novo Testamento. Essa interpretação inicialmente foi apresentada em 4 livros: Caminho, Verdade e Vida; Pão Nosso 1 , Vinha de Luz, e Fonte Viva, todos publicados pela FEB, bem como Ceifa de Luz que veio à lume depois. Posteriormente, livros publicados por outras editoras, ampliaram a coleção: Palavras de Vida Eterna, Segue-me e Livro da Esperança.

    Mesmo esparsos, esses livros formavam um tesouro de inestimável valor e certamente a maior exegese sobre o Novo Testamento que já veio do céu à Terra, cujas mensagens seguem um mesmo padrão: título formado por um sintagma nominal, isto é, substantivo sozinho ou acompanhado de adjetivo; epígrafe composta por um versículo do Novo Testamento; e comentário sobre esse versículo. Esse comentário tem também uma estrutura própria que será matéria de um outro artigo. (...)

    Essa coleção é um verdadeiro tesouro em português sobre o NT que não requer mais que os primeiros anos de escolarização para ser entendida. Evidentemente, quanto mais soubermos língua portuguesa, Espiritismo e cultura geral mais interagimos com Emmanuel. (...)”

    A frase do último parágrafo que transcrevemos faz pensar. Notem o detalhe: “(...) quanto mais soubermos língua portuguesa, Espiritismo e cultura geral mais interagimos com Emmanuel (...)”.

    Que apreciação fabulosa! A cultura do citado Espírito, benfeitor que coordenou as atividades mediúnicas de Chico, demonstra o esforço de pesquisa e o quanto esse espírito dedicou-se a estudar, pesquisar, inclusive a língua portuguesa, para nos ofertar o tesouro, como carinhosamente se refere a amiga Denise.

    Caminho que todos podemos seguir, pesquisando e estudando continuamente, não só Doutrina Espírita, mas também cultura geral, porque essa soma acumulada de informações sobre história, sociologia, ciências em geral e especialmente psicologia e biografias fornecerão amplos subsídios para mais entender as lutas, as conquistas, dificuldades e ângulos diferenciados do complexo relacionamento humano e seus desafios. O que, diga-se de passagem, encontra perfeita conexão com os postulados progressistas apresentados pelo Espiritismo. Estudar, analisar, pesquisar, refletir, eis o caminho para entender a vida, suas propostas, seus caminhos, as leis sábias do Criador, para que amadureçamos com as experiências e possamos sentir como hoje sente um espírito do alcance e estágio de
    Emmanuel. Breve raciocínio sobre o conteúdo de seus textos já demonstram a lucidez, grandeza e bondade desse benfeitor amigo tão querido de todos nós.

    Não foi ao acaso que o respeitado escritor Clóvis Tavares escreveu o livro Amor e Sabedoria de Emmanuel. Realmente uma pérola que indicamos ao leitores.


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens