A+ | A- | Imprimir | Ouça a MSG | Ant | Post

Se procuras a paz na luta que te isola
A esperança ferida e o sonho penitente,
Não fujas à lição que te ampare e acalente
E aceita o mundo hostil por sacrossanta escola.

O Espiritismo é a luz que alimenta e consola
Aclarando e brunindo o coração e a mente
No Evangelho do Amor que brilha renascente
Sobre a treva abismal em que a se acrisola.

Louva, de pés sangrando,
a aflição que te oprime
E confia-te à luz dadivosa e sublime
Que desfaz para sempre a sombra transitória!

E, de alma erguida ao Céu,
embora a angústia a açoite,
Alcançarás, cantando, além da grande noite,
A claridade eterna e a suprema vitória.


Por: Amaral Ornellas, Do livro: Cartas do Coração, Médium: Francisco Cândido Xavier


Leia Também:

Êxito: por Emmanuel
Vitória: por André Luiz
De Irmã para Irmã: por Ecléia
Caravana: por Meimei
O Sofrimento: por Joanna de Ângelis

Avalie Esssa MSG

1 Voto(s) 0 Voto(s)

Comentários