A+ | A- | Imprimir | Ouça a MSG | Ant | Post

Não creias que Deus te honra
Com teus créditos e dons
Para que entendas e sirvas
Somente aos justos e bons.

Honrar as obrigações
Mesmo em luta, anos inteiros,
Sem deixar as próprias cargas
Nos ombros dos companheiros.

Evitar em qualquer tempo
Este desastre comum:
Contentar-se em criticar
Sem prestar auxílio algum.

De gênio perdido em furto,
O irmão Quelidônio Alpaca
Do além quer voltar à Terra
Sofrendo cabeça fraca.

Legenda aos servos do bem
Aos de agora e aos que virão:
Nunca se faça a mistura
De esclerose e tradição.

Não faças aos semelhantes
Seja o que for, onde estejas,
Que em se tratando de Ti,
Não aprovas, nem desejas.


Por: Cornélio Pires, Do livro: Coisas deste Mundo, Médium: Francisco Candido Xavier


Leia Também:

Ponderação: por Bezerra de Menezes
Males Pequeninos: por Albino Teixeira
Forças Contrárias: por Emmanuel
Males e Remédios: por André Luiz
Erradicação do Mal: por Albino Teixeira

Avalie Esssa MSG

6 Voto(s) 0 Voto(s)

Comentários