A+ | A- | Imprimir | Ouça a MSG | Ant | Post

Excelsa e sereníssima Senhora,
Que sois toda Bondade e Complacência,
Que espalhais os eflúvios da Clemência
Em caminhos liriais feitos de aurora!...

Amparai o que anseia, luta e chora,
No labirinto amargo da existência.
Sede a nossa divina providência
E a nossa proteção de cada hora.

Oh! Anjo Tutelar da Humanidade.
Que espargis alegria e claridade
Sobre o mundo de trevas e gemidos;

Vosso amor, que enche os céus ilimitados,
É a luz dos tristes e dos desterrados,
Esperança dos pobres desvalidos!...


Por: Anthero de Quental, Do livro Parnaso de Além-Túmulo, Médium: Francisco Cândido Xavier


Leia Também:

A Surpresa do Crente: por Irmão X
Rainha do Céu: por Anthero de Quental
Nos Limites do Céu: por Irmão X
Três Almas: por Mâncio da Cruz
Até Moisés: por Irmão X

Avalie Esssa MSG

0 Voto(s) 0 Voto(s)

Comentários