Doação no Serviço

    Esquece as sombras que tingem de escuridade as tuas esperanças e a luz que acendas no caminho dos que te buscam a lâmpada clarificadora, iluminará a rota dos teus pés.

    Ama, esforçando-te a princípio, mesmo que se demorem no teu paladar afetivo os ressaibos de muitos desamores que te lancearam, e constatarás, sorrindo, que a maior felicidade no amor pertence a quem ama.

    Como é verdade que há muita incompreensão na Terra, não menos seguro é que há muita aspiração de entendimento entre os espíritos que avançam no trâmite para os rumos infinitos.

    Deixa-te, portanto, transformar em harpa de amor tangida por mãos espirituais, e as vibrações dos acordes espalhados na comunidade sofrida em que te situas, formarão a bela sinfonia do bem tradutora do Bem Infinito em toda a Terra.

    Jesus, incompreendido no reduto das mais carinhosas afeições, dilatou as expressões do próprio sacrifício, sorvendo sem reclamos nem queixumes o conteúdo abundante do fel e da sicuta da má vontade, encorajando, amando os companheiros tíbios e cantando com eles a música da esperança para a fixação da Boa Nova no país dos corações, fazendo-Se, Ele mesmo, a mais augusta oferenda de amor à humanidade.


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens