Agressões

    Muitas vezes, na vida, sentes o coração visitado pela agressão gratuita e pelo desprezo de pessoas que julgavas amigas, e, nestes momentos, a mágoa te envolve o ser, ameaçando-te a tranqüilidade e a paz.
    Sentes, então, o desânimo e o desejo de te isolares de tudo e de todos, numa atitude de fuga.
    Nestes momentos de tormento íntimo, recorre à prece antes de qualquer atitude menos feliz.
    Recorda os ensinos de Jesus e, fortalecido pela humildade, arma-te da coragem de seguir adiante, sem deixar de servir e trabalhar.
    Se a árvore deixasse de produzir frutos a cada agressão que sofresse dos homens, provavelmente a humanidade viesse a experimentar grande carência de alimentos.
    Se o rio secasse a cada atitude de agressão dos homens, em lhe poluindo com dejetos de todo tipo, provavelmente já não mais haveria água potável na Terra.
    Assim, também, se nos isolamos e deixamos de servir a cada agressão que sofremos, extinguiremos da Terra as possibilidades de progresso em direção ao Bem.
    Diante disso, medita e segue adiante, na confiança de que Deus tem sido infinitamente misericordioso com a humanidade e em particular com cada um de nós, razão pela qual devemos lançar ao esquecimento as agressões e, numa atitude cristã, abençoarmos e servirmos, cumprindo a nossa parte no processo de evolução em favor da humanidade e em favor da nossa própria redenção.


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior

    Acesse todas as Mensagens