A Coragem na Luta

    Vou voltando sobre estes rincões brasileiros, que já foram meus e ainda serão, pelo menos no próximo corpo que eu vestir na Terra e vou colecionando as formas mentais que se exalam do povo. Vou observando os quadros formados na mente individual e coletiva... E o que vejo como moldura do pensamento, como recheio das vibrações? Desânimo, desânimo e nada além de desânimo... Ora, ora, parece-me que todos estão enredados nas próprias vibrações que exalam e essas vibrações se multiplicam, se misturam às do vizinho e formam uma lama cinzenta, na qual todos vão se emaranhando cada vez mais.
    Meus irmãos, já fostes avisados, século fez, desde o advento do Espiritismo em seus primórdios, que haveríeis de atravessar as horas cinzentas da transição, das tempestades purificadoras do final dos tempos... Não há, pois, motivo de espanto e desespero. A hora é essa e ela há de se estender ainda por um bom período de anos terrestres.
    O que não podeis de forma alguma é alimentar as trevas reinantes com o ectoplasma gosmento do desânimo. Essa forma de vibração espiritual é verdadeiro entrave ao desenvolvimento do espírito, pois que vai amortecendo a nossa lucidez e passamos a não ver nenhuma porta de saída, nenhum caminho de esperança para uma dada situação.
    Ora, não sabeis que sois a cada instante, os plasmadores do vosso destino e os fazedores do progresso individual e coletivo; os artífices da evolução e do Bem? Não sabeis que o bom trabalhador se mantém de pé ante as tempestades, enfrentando as sombras de peito aberto e com a fronte erguida para os céus? Não sabeis que Jesus conta com cada um de vós, para vos manterdes em vossos postos de luta e renovação, para contribuirdes com Ele, na hora exata, atendendo à voz do seu comando divino? Então, por que desanimais, por que titubeais e vos agarrais às pedras do caminho, colecionando obstáculos, ao invés de saltar acima deles, para vos elevardes sempre mais?
    Coragem – eis a virtude mais urgente no momento. Não me refiro a pseudocoragem dos inconscientes, que não enxergam a gravidade da situação e se atiram entorpecidos ao mar das ilusões, mas à coragem do trabalhador, que sabe onde está o mal, que conhece as forças sombrias que avassalam o planeta, que é sensível à dor e à luta do próximo, mas ainda assim crê na vitória do Bem, aposta sempre na bondade essencial do homem e se põe como desbravador intimorato do amanhecer terrestre!
    Nada de pensamentos sombrios, nada de desesperança! Mentalizai o Bem, persegui o Bem e estareis com o Bem! Porque Jesus não está com o rosto virado à humanidade. Ele se desvela por nós; desvelemo-nos também por sua santa seara! Ficai com a paz do Mestre e construí dentro de vós a couraça do bom soldado, que não se atemoriza com a luta, pois não podemos vos prometer por enquanto senão essa luta árdua e saudável, na qual nós também estamos empenhados!


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens