Acima do Sexto Andar

    Uma amiga perguntou-me se eu acredito e se realmente existem magia negra, trabalhos feitos e outras coisas ruins. Eu respondi: Existe sim e eu acredito! Ela me perguntou: Isso pega e faz mal? Eu respondi: Pega sim e faz muito mal! Ela disse: Então o que devo fazer para me defender dessas coisas? Eu respondi: "Acima do Sexto Andar"! Ela estranhou e perguntou: Como assim? Eu disse: Vou contar-lhe uma história e no final explicarei o que deve fazer para se livrar dessas coisas que tanto lhe apavoram!
    "O Sr. Pedro é um homem muito bem sucedido; tem uma empresa que vai muito bem; paga bem aos seus funcionários; tem uma linda moradia; um belo apartamento na praia; carros do ano; vive muito bem com a esposa e seus 3 filhos; pratica muita caridade; ajuda muita gente; viaja muito, cuida bem do seu corpo praticando esportes e está sempre de bem com a vida!
    O Roberto não se conforma como o Sr. Pedro está tão bem de vida, possui tantos bens, está sempre feliz da vida e ele não tem nada, só dívidas, mora numa casa alugada há mais de 30 anos, trabalha numa empresa sofrivel e ganha uma miséria; sua mulher está sempre doente e os filhos não gostam de estudar e também não trabalham. Ele não se conforma de jeito nenhum como uma pessoa possa ser tão feliz e bem sucedida e outra tão "desgraçada"!
    Um certo dia o Roberto resolveu que a coisa não poderia continuar desse jeito e contratou uns meninos arruaceiros que, por um dinheirinho, faziam qualquer negócio e pediu para eles o seguinte: "Vou dar-lhes um saquinho de pedras (representa simbolicamente as magias, as macumbas, os trabalhos feitos) para vocês atirarem no Sr. Pedro e para isso, pagarei R$ 1,00 (representa o pagamento pelos trabalhos) para cada um de vocês". Passados alguns dias, os meninos voltaram e disseram que não conseguiram acertar o Sr. Pedro de forma alguma. Não tiveram sucesso no intento!
    O Roberto ficou arrasado e decidiu fornecer mais um saquinho de pedras, mas um dos meninos disse que só fariam o trabalho por R$ 5,00 para cada um deles. O Roberto - cego pela inveja e pelo ódio - concordou com o valor pedido. Alguns dias depois os meninos voltaram a ter com o Roberto e disseram: Nada! Não conseguimos acertá-lo! Jogamos todas as pedras em vão!
    Roberto pensou, pensou e disse: "Darei agora alguns sacos de tomates podres para vocês jogarem nele e tenho certeza que desta vez tudo dará certo"! O menino mais velho definiu que este trabalho custaria R$ 20,00 para cada um deles. Se não pagasse este valor não fariam o trabalho. O Roberto - já nervoso e totalmente ignorante das Leis - não deu atenção aos sinais e pagou o valor estipulado. Após alguns dias, angustiado e ansioso, procurou pelos meninos que disseram: Nada de nada, não conseguimos nem sujar o homem. O Roberto esbravejou: "Vocês não prestam para nada, não valem nada, são todos uns malandros sem vergonha, não sabem fazer nada direito. Sumam daqui"!
    Os meninos saíram correndo e ficaram com muita raiva e resolveram se vingar do Roberto. Recolheram todas as pedras e os tomates podres que ainda estavam no chão e jogaram tudo sobre a casa do Roberto, quebrando todos os vidros, telhas, sujando toda a fachada e se admiraram com a facilidade que realizaram este trabalho!
    O Roberto ficou muito bravo! Saiu descontrolado e decidido a atingir o Sr. Pedro, com suas próprias mãos. Dirigiu-se agitado ao endereço do Sr. Pedro e lá chegando compreendeu abismado porque os meninos não conseguiram atingi-lo: Ele morava "Acima do Sexto Andar" do prédio, o que o tornava inatingível.
    Ficou muito decepcionado e se sentindo impotente virou as costas e resolveu cuidar da sua própria vida e esquecer o tal do Sr. Pedro.
    Essas coisas funcionam da mesma forma tanto no mundo visível como no mundo invisível!
    Essa é a "Lei do Retorno" ou "Ação e Reação"!
    Nunca devemos esquecer que para nos defendermos das coisas ruins, das maldades, da inveja, do ódio, das magias negras, da ignorância das pessoas que querem nos fazer mal é necessário e imprescindível permanecermos sempre "Acima do Sexto Andar" ou seja, estarmos sempre com os nossos pensamentos nas coisas do bem, agirmos sempre com valores elevados e com ética, mantermos o nosso nível de consciência em um patamar superior. Somente dessa forma nós nos defenderemos e nada e ninguém poderá nos atingir"!
    O sexto andar, claro que simbolicamente, representa o caminharmos na vida com o nosso coração expandido, levando amor, harmonia e compaixão ao nosso redor.
    Estejamos sempre no nosso nível de consciência
    "Acima do Sexto Andar"!


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens