Tudo Passa

    É uma doutrina diferente. Primeiro, o fato. Apareceram os fenômenos. Foram eles que disseram: Nós somos imortais e explicaram a questão da Imortalidade da alma. Então, nós podemos perceber a grandeza dessa mensagem de Deus, quando os Céus se abrem e o exército, sob o comando de Nosso Senhor Jesus Cristo, desce a Terra para consolar a Humanidade.

    À semelhança de estrelas luminíferas, tombam os astros do saber e da verdade ao coração das criaturas humanas, convidando-as à ordem, à paz, ao amor, à caridade.

    Filhos e filhas do coração, tende tento!

    São estes dias que prenunciam aqueles bem-aventurados dias proclamados pelo Senhor da Vida.

    É certo que o ultraje, a corrupção, a indignidade campeiam e a pessoa digna sente constrangimento em apresentar a sua honradez.

    Com certeza uma grande noite desceu sobre a Terra e as criaturas aturdidas atiram-se ao precipício da loucura suicida.

    Jamais houve na Terra tanta grandeza na ciência e tanta miséria moral. Nunca tantos anelaram por uma paz que nasce na consciência reta.

    A Doutrina de Jesus chega até nós trazida pelos Seus embaixadores para dizer: Tende cuidado, a existência carnal é sempre muito breve na mensagem do tempo.

    Facilmente, os gritos do ontem ressoam no hoje, no amanhã, pedindo misericórdia e amor, enquanto os Céus mandam que desçam à Terra aflita os seus emissários de luz para tornar os dias da Humanidade menos sofredores.

    Trabalhai! Tornais-vos archotes luminosos para apagar a densa sombra da noite teimosa. Não vos esqueçais de que mesmo à meia-noite tenebrosa um segundo após é amanhecer.

    Já amanhece dia novo. Ainda existem sombras teimosas, ainda pairam dores acerbas que vos preparam e a todos nós para a radiosa madrugada da vida plena.

    Fostes chamados nestes dias, ouvistes os convites mais variados para a plenitude. Comovestes-vos algumas vezes com a mensagem de Jesus, traduzida pelos Seus discípulos devotados. Não a esqueçais. Retornai aos lares modificados. Pensai na paz do mundo iniciando a paz em vosso lar. Cantai alegria sorrindo mesmo diante do aparente infortúnio.

    Tudo passa!

    É a vida de natureza imortal e vós agora tendes conhecimento de que tudo dependerá da vossa contribuição.

    Não temais, mesmo que os vossos joelhos estejam desconjuntados, como afirmava o Apóstolo Paulo. Avançai, a meta vos espera!

    Jesus, de braços abertos, repete: Vinde a mim, eu vos consolarei.

    Que o Senhor de bênçãos a todos nos abençoe.

    São os votos do servidor humílimo e paternal de sempre

    Muita paz, filhas e filhos.


    A+ | A- | Imprimir | Envie para um(a) amigo(a) | Mensagem Anterior | Posterior | Ouça o conteudo



    Acesse todas as Mensagens