A+ | A- | Imprimir | Ouça a MSG | Ant | Post

O rapaz dizia a noiva ao despedir-se em festa:
- Tenho outro afeto... Adeus ! .. Do tumulto da sala
A Jovem se retira e, trêmula, sem fala,
Estraçalha num tiro a força que lhe resta.

A suicida no Além, lastima-se, protesta...
Depois, casa-se o moço... E um dia, ao recordá-la,
A jovem torna a ele e, ao elo que os iguala,
Ele retém no sonho e novo lar lhe empresta!...

A companheira, em casa, a recebe por filha...
Ela nasce trazendo a sombra em que se humilha,
Alma em restauração que a moléstia socorre...

E o trio, em riso e pranto, a beijos de ternura,
Encontra a bendizer na dor em que se apura,
A presença de Deus nos amor que nunca morre....


Por: Silva Ramos, Caso tenha ou possua, envie-nos a referência desse texto.


Leia Também:

Amor: por Batuira
Amor e Diálogo: por Desconhecido
Ato de Amor: por Momento Espírita
A Ingratidão e o Amor: por Richard Simonetti
Com Amor: por Emmanuel

Avalie Esssa MSG

5 Voto(s) 0 Voto(s)

Comentários